Coletiva de imprensa sobre a PR-323 anuncia novidades

Aconteceu na manhã de hoje, 15,  uma coletiva de imprensa na ACIU, organizada pela comissão em prol da duplicação da PR-323, afim de dar um parecer e novas informações à comunidade de Umuarama e região, sobre a reunião que aconteceu no dia de ontem, 14, com o governador do Paraná, Beto Richa, em Curitiba.

Na coletiva, tomou a palavra o presidente da comissão em prol da duplicação da PR-323 em Umuarama, Sérgio Frederico, que contou detalhes da reunião que tiveram, ele com outros membros da comissão em Curitiba, no dia de ontem no Palácio Iguaçu, que contou com a presença do governador do Estado do Paraná, Beto Richa. Frederico iniciou a palavra, agradecendo aos presentes e pela reunião marcada, afim de resolver este empasse que percorre há anos sem solução, ressaltou ainda o pedido de que, a duplicação seja iniciada ainda na gestão deste governo, para que no próximo seja finalizada, não correndo o risco de haver troca de mandato e ter que começar o pedido da duplicação da estaca zero.

Sérgio lembrou ainda, que seja dado atenção á continuidade da PPP (Parceria Público-Privada), visto que, será a única forma de começar a obra nesse período, pois uma nova licitação demandaria muito tempo e a necessidade de novos projetos e licenças que passariam anos até finalizar novamente. Finalizou dizendo que a rodovia PR-323 está ultrapassada, pois em mais de 60 anos, poucas melhorias foram realizadas de lá pra cá, na contramão, o fluxo de veículos mais que duplicou, pois é a rota de ligação entre outros estados, portos e países vizinhos.

A intenção é de utilizar a o projeto de PPP já existente, substituindo a empresa ganhadora (Odebrecht), já que a mesma não pôde iniciar a duplicação por problemas financeiros, políticos e jurídicos, como é de conhecimento de todo cidadão brasileiro. Utilizando o mesmo projeto, seria implantado uma nova empresa, que faria o serviço conforme já estabelecido. Contudo,  governador mostrou preocupação, já que o contrato foi assinado, mas não cumprido (Por parte da empresa), e se ele – o contrato – for rescindido, o governo pagará uma multa exorbitante prevista no mesmo, o que tornaria inviável para o Estado. O governador disse que é de extremo interesse e importância dar continuidade nesse processo de duplicação, visto que os custos atuais para manutenção da rodovia e os custos que o Estado arcará com a PPP, será quase que equivalente (Em torno de R$ 100 milhões anuais).

INTERVENÇÃO

Após diversas conversas, o presidente da OAB do Paraná, Dr. José Augusto Araújo de Noronha, solicitou a palavra dizendo ter conhecimento das condições precárias da rodovia e que tem recebido seguidas informações dos trágicos acidentes ocorridos e que, através do presidente da OAB Subseção de Umuarama, Dr. Aldo H. Alves, assim colocou a Ordem dos Advogados do Brasil à disposição para encontrar uma solução jurídica, com respaldo na lei, para dar continuidade à PPP, e mencionou que a solução tem que vir com segurança jurídica e que é muito importante a manifestação do Ministério Público.

Noronha encerrou dizendo que a partir dos documentos já reunidos pela comissão, será feita uma análise detalhada e no máximo em 30 dias será entregue ao governador um parecer.

Finalizando, o governador disse estar confiante no andamento deste processo, e que em paralelo ao trabalho da OAB, ele dará andamento para conseguir apoio da Secretaria da Fazenda e também apoio político. Agradeceu à todos os presentes e informou que no máximo em 60 dias, a comissão será chamada novamente à Curitiba para um novo encontro, com possibilidade de uma solução para o caso.

Presentes na audiência com o Governador do Paraná, Beto Richa no Palácio Iguaçu na terça-feira, 14.

  • Braz Rebente – Representante do Sindicato Rural de Altônia, PR
  • Carlos Pereira – Rotary de Cruzeiro do Oeste
  • Deybson Bitencourt – Vereador de Umuarama
  • Dr. Adriano Cesar – Diretor da OAB Umuarama
  • Dr. Aldo H. Alves – Presidente da OAB Subseção de Umuarama
  • Dr. André Melatti – Procurador do Trabalho
  • Dr. José Augusto Araújo De Noronha – Presidente da OAB Paraná
  • Evaldo Borges – Representante do Rotary e Maçonaria de Umuarama
  • Fernando Scanavacca – Deputado Estadual
  • Hércio Correia – Vice Presidente da ACIC
  • Jonas Guimarães – Deputado Estadual
  • José Alexandre Ferreira – Superintendente da FUNASA no Paraná
  • Marcelo Ferrari – Representando da ACIC
  • Mateus Barreto – Vereador de Umuarama
  • Nelson Costa – Superintendente da Fecoopar
  • Nelson Luiz Gomez – Presidente do IEP (Instituto de Engenharia do Paraná)
  • Orlando Luiz Dos Santos – Presidente da ACIU
  • Robson Mafioletti – Superintendente da Ocepar
  • Sandro Gregório – Advogado
  • Sergio Frederico – Presidente da Comissão
Compartilhar:

Deixe um comentário

ver todos os comentários

Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados publicamente. *