Bispo da Diocese de Umuarama comenta sobre a Visita Ad Limina Apostolorum

Dom João Mamede Filho destaca sete pontos da Visita

O nome, em latim, Ad Limina Apostolorum significa, literalmente, “no limiar dos apóstolos”. Ou seja, os bispos de hoje, que são os sucessores dos apóstolos, vão estar no limiar, na soleira, às portas das basílicas dos apóstolos (Pedro e Paulo), na Diocese de Roma, que é presidida pelo sucessor primeiro de Pedro, o Papa.
Trata-se de uma atividade, prevista pelo Código de Direito Canônico (399-400), que os bispos, organizados por regionais ou países, realizam a cada cinco anos, a fim de manifestar a comunhão com o Papa e revigorar a fé e a própria responsabilidade de sucessores dos Apóstolos. A última visita Ad Limina dos bispos do Paraná, no entanto, aconteceu há quase 10 anos, de 3 a 13 de novembro de 2010. Colaborou para que esse intervalo de tempo entre as visitas fosse maior, a troca dos pontífices, em 2013, e tantos outros compromissos e situações da vida eclesial.

Publicação e Edição: Érica Bolonhezi
Jornalista Diocesana Pascom
Fonte: Karina de Carvalho
Assessora de comunicação CNBB Regional Sul 2

Compartilhar: